A preocupante redução da ingestão de frutas

  • 18 August 2015
  • Leticia Azen

Tenho notado que as pessoas consomem cada vez menos frutas. Vocês também já observaram isso? Não seria algo preocupante? Ao meu ver, sim...

Não posso generalizar aqui os motivos, mas trarei para discussão o que escuto no consultório e em sala de aula.

Existem muitas pessoas que não gostam naturalmente de frutas, mas algumas chegam até mim dizendo que não comem mais adoradas frutas, porque foram orientadas à elimina-las no cardápio para não engordarem. Entretanto, algumas estranha e contraditoriamente recebem prescrições contendo quantidade generosa de abacate, coco, castanhas, chocolate amargo... Sem contar nas dosagens exageradas de suplementos.

Estou certa dos benefícios destes alimentos liberados (citados acima), portanto o que trago para reflexão aqui é o fato de parecer estranho que não se possa consumir uma tangerina, por exemplo, mas abacate sim. Já vi em uma prescrição sem nenhuma outra fruta, a orientação para consumo de ½ abacate batido com Whey Protein Hidrolisada (produto bem mais caro que seria para a rápida absorção) antes de dormir... Incrivelmente contraditório e equivocado! Gente, é tanto absurdo que penso em reunir todas estas estranhas (e nada científicas) observações para escrever um livro...

Mas voltemos ao ponto... Como costumo repetir: "tudo engorda com exceção da água e o alface" (risos), portanto tudo que entrar em excesso na nosso alimentação e especialmente alimentos ricos em gordura e açúcares simples contribuirá para o aumento do percentual de gordura... Mas então, se considerarmos que as frutas são ricas em frutose, elas engordam e muito, certo? QUASE SEMPRE ERRADO!

Em primeiro lugar, vale destacar que os malefícios divulgados sobre a frutose foram sugeridos com base em estudos com pequeno número amostral ou com animais. Além disso, quem disse que a fruta é fonte exclusiva de frutose? Elas contem fibras e muitos micronutrientes importantes para saúde e desempenho físico, os quais, infelizmente, estão sendo negligenciados...

Se você deseja manter um baixo percentual de gordura, precisará realmente controlar a ingestão de frutas, especialmente aquelas que parecem abrir ainda mais o seu apetite em alguns momentos (escuto isso com certa frequência) e as mais concentradas em carboidrato... Mas não precisa exagerar e, muito menos, sofrer!

Vivemos um momento de profundas contradições onde algumas pessoas ingerem diariamente sucos "detox", por vezes calóricos, e outras que aboliram de vez qualquer fruta da sua dieta com receio de engordar...

Fico com pena do leigo que tentar chegar a alguma conclusão acessando informações na internet. Muito difícil! PROCURE UM NUTRICIONISTA PARA QUE ELE POSSA TE ORIENTAR INDIVIDUALMENTE.

Um abraço e até a próxima! ;)