Refletindo sobre o "dia do lixo"

  • 8 April 2015
  • Leticia Azen

Não sei se esta pergunta é feita a vcs, mas, como ela surge no meu consultório frequentemente, resolvi comentar um pouco a respeito.

Para quem não está familiarizado, não se assunte! Não é que a pessoa tenha interesse em comer "lixo", mas é quase isso rsrs. Eu explico…

Existem pessoas que preferem ser submetidas a dieta muito rigorosas ao longo da semana para que possam obter um "aval" para um consumo liberado em um dia da semana. A princípio, vc podem pensar: "mas que mal a nisso?", "não seria uma boa a justa recompensa?". Sinceramente, NÃO CONCORDO! Mas não porque sou uma Nutri carrasca, muito pelo contrário...
Salvo raras exceções (ex. atletas que precisam perder muito peso próximo à determinada competição), não estimulo as tais "dietas de fome", visto que atendo essencialmente pessoas fisicamente ativas, portanto não posso conceber que seus respectivos treinos sejam prejudicados, por falta de energia para execução, sem contar nos danos à saúde a longo prazo. Além disso, acredito que, dependendo do que a pessoa ingira no "dia do lixo", ela possa recuperar boa parte das reservas adiposas perdidas e/ou passar mal.

Conclusão, como Nutricionista costumo utilizar a palavra EQUILÍBRIO para nortear minha conduta e ajudar pessoas a evitarem comportamentos compulsivos.
Acredito que seja possível estar muito bem sem necessariamente cortar tudo que se gosta, mas é PRECISO APRENDER A DOSAR AS QUANTIDADES, ESCOLHER MELHOR OS "PRAZERES" E OS HORÁRIOS PARA INGERI-LOS.

PROCURE UM NUTRICIONISTA PARA OBTER SEU PLANO ALIMENTAR INDIVIDUALIZADO.
Boa sorte, bons treinos e até a próxima!